Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11624/3381
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorSantos, Douglas Eraldo dos-
dc.typeDissertação de Mestradopt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.titleDo buraco e/ou o abjeto e o mundano na literatura de Lourenço Mutarelli.pt_BR
dc.date.issued2022-
dc.degree.localSanta Cruz do Sulpt_BR
dc.contributor.advisorGuimarães, Rafael Eisinger-
dc.degree.departmentPrograma de Pós-Graduação em Letraspt_BR
dc.description.abstractIn this research we propose the interpretation of Lourenço Mutarelli's literature by reading three novels of the author: O cheiro do ralo (2002), O grifo de Abdera (2015) e O filho mais velho de Deus e/ou Livro IV (2018). Our proposal is to build a dialogue between the literary work and the theories that subsist our interpretation and apprehension of the relevant elements that make up Mutarelli's aesthetic and thematic. We start, especially, from the recurrent marks of the presence of the abject, the grotesque and the mundane in your literary narratives.This dissertation begins with a brief introduction and/or by entering the hole in which we discuss the research problems and hypotheses that moved us before and during the work. In this introduction we also present elements such as our conceptions of literature, as well as, we briefly introduce the three researched narratives. Furthermore, we present the justifications and objectives that sustain this work. The research is organized and structured in two large chapters. The first chapter and its three sections seek to understand the Mutarellian bodies and subjects. The first section of this chapter highlights the body in its sociological approach. Authors such as Arthur Frank (2001), Elizabeth Grosz (2015) and David Le Breton (2007), among others, are placed in dialogue with Mutarelli's work. The second section of this chapter is dedicated to discussing abjection and its relations to literature. Julia Kristeva ( 1988), Márcio Selligman-Silva (2005), and Wellington Ramos (2019) are present in the discussion. The third section closes the chapter by dealing with the grotesque body and its relationship to grotesque realism, departing especially on Mikhail Bakhtin (1987). In the second chapter of the work the Mutarellian subject is placed in its relation to the world. The first section of this chapter deals with unrest in culture, especially from Sigmund Freud's (2020). The second section deals with the contemporary context to which this subject and Mutarelli's literature are submitted. Fredric Jameson (1997), Gilles Lipovetsky (2004), Jean Baudrillard (1991), Slavoj Zizek (2002), among others, are discussed. The chapter closes by looking at the contemporary scenario of Brazilian literature and the demand and resurgence of realisms. Beatriz Resende (2008), Karl Erik Schøllhammer (2009), Denílson Lopes (2012), Renato Cordeiro Gomes (2012) are discussed in this section. This dissertation ends with the final considerations in which reflections and propositions of interpretations of Lourenço Mutarelli's literature are presented.pt_BR
dc.description.notaInclui bibliografia.pt_BR
dc.subject.otherMutarelli, Lourenço - Crítica e interpretaçãopt_BR
dc.subject.otherLiteratura brasileira - História e críticapt_BR
dc.subject.otherGrotesco na literaturapt_BR
dc.subject.otherCorpo humano na literaturapt_BR
dc.subject.otherRealismo na literaturapt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11624/3381-
dc.date.accessioned2022-07-08T18:36:14Z-
dc.date.available2022-07-08T18:36:14Z-
dc.degree.grantorUniversidade de Santa Cruz do Sulpt_BR
dc.description.resumoNesta pesquisa propomos a interpretação e a compreensão da literatura de Lourenço Mutarelli a partir de três romances do autor: O cheiro do ralo (2002), O grifo de Abdera (2015) e O filho mais velho de Deus e/ou Livro IV (2018). Nossa proposta é a de construção de diálogo entre a obra literária e as teorias que subsistem nossa interpretação e apreensão dos elementos constituintes da estética e temática mutarelliana. Partimos, especialmente, das marcas recorrentes da presença do abjeto, do grotesco e do mundano nas narrativas literárias de Lourenço Mutarelli. A presente dissertação começa com uma breve Introdução e/ou entrando no buraco, em que discorremos sobre os problemas de pesquisa e hipóteses que nos moveram antes e durante o trabalho. Nesta introdução apresentamos ainda nossas concepções de literatura, bem como as três narrativas pesquisadas além das justificativas e objetivos que sustentam este trabalho. Na sequência o trabalho é organizado e estruturado em dois grandes capítulos. No primeiro capítulo e suas três seções busca-se compreender os corpos e os sujeitos mutarellianos. Na primeira seção deste capítulo evidencia-se o corpo em sua abordagem sociológica. Autores como Arthur Frank (2001), Elizabeth Grosz (2015) e David Le Breton (2007), entre outros, são colocados em diálogo com a obra de Mutarelli. A segunda seção deste capítulo dedica-se a discutir sobre a abjeção e suas relações com a literatura. Julia Kristeva (1988), Márcio Selligman-Silva (2005) e Wellignton Furtado Ramos (2019) estão presentes na discussão. A terceira seção encerra o capítulo tratando do corpo grotesco e das relações deste com o realismo grotesco, partindo especialmente de Mikhail Bakhtin (1987). No segundo capítulo do trabalho o sujeito mutarelliano é colocado em sua relação com o mundo. Na primeira seção deste capítulo trata-se do mal-estar na cultura, especialmente a partir da leitura de Sigmund Freud (2020). A segunda seção trata do contexto contemporâneo a que está submetido este sujeito e a literatura de Mutarelli. Fredric Jameson (1997), Gilles Lipovetsky (2004), Jean Baudrillard (1991), Zizek (2002), entre outros, são discutidos. O capítulo encerra com a observação do cenário contemporâneo da literatura brasileira e a demanda e ressurgimento dos realismos a partir de Beatriz Resende (2008), Karl Erik Schøllhammer (2009), Denílson Lopes (2012), Renato Cordeiro Gomes (2012). A presente dissertação encerra com as considerações finais, em que se traz reflexões e proposições de interpretações da literatura de Lourenço Mutarelli.pt_BR
Aparece nas coleções:Programa de Pós-Graduação em Letras – Mestrado e Doutorado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Douglas Eraldo dos Santos.pdf3.06 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciado sob uma Licença Creative Commons Creative Commons